Medite. Nem todas as respostas você encontra no Google

Quando comento com meus pacientes sobre a importância da meditação, logo surgem muitas dúvidas.

Minha mente para quando eu medito? Deixo de ter consciência? O que é mesmo meditar? Foi pensando neles que resolvi escrever um pouco sobre o assunto. Temos muitas tradições que trazem diferentes perspectivas. Particularmente acredito muito que, meditar é nada mais é que uma conversa consigo mesmo. Ouvir seu corpo em suas dores, inquietações e anseios. É aos poucos, ir apenas observando o que acontece consigo mesmo sem julgamentos ou críticas.

Através desta atitude se amplia um espaço interno que é só seu e lá você pode apenas ser. Não há “deveria” ou “tenho que”…quando isso acontece, você começa a ouvir seu lado que sabe o que é melhor e sabe tomar as decisões mais acertadas.

Você pode meditar enquanto toma banho, enquanto aguarda uma consulta etc. Comece e suas respostas virão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *